Hospital Gastroclinica

5 dicas para ter uma alimentação saudável no seu dia a dia

Todos nós sabemos que ter uma alimentação saudável contribui e muito para a saúde do nosso organismo. Especialmente no momento em que estamos vivendo, é essencial elevar a imunidade do corpo através de práticas mais adequadas.

Mas nem sempre é fácil seguir cronogramas regrados ou até mesmo lembrar de consumir comidas mais nutritivas na correria diária. Por esses motivos muitas pessoas deixam de prestar atenção no que colocam no prato.

Porém, não desanime! Conheça agora várias dicas simples para o dia a dia e que rapidamente se tornarão parte da sua rotina. Veja mais sobre isso no texto abaixo.

1. Fuja dos ultraprocessados

Alimentos ultraprocessados normalmente são ricos em calorias, sal, açúcar, aditivos químicos, corantes, conservantes e gorduras. Dessa maneira, eles aumentam o risco de deficiência nutricional. Com componentes pouco aproveitados peno organismo, essas comidas não tem quase nenhum valor nutritivo.

Além disso, o alto consumo de ultraprocessados está ligado ao desenvolvimento de doenças cardiovasculares, diabetes, obesidade e outras enfermidades. Então, para garantir que eles estejam fora da sua dieta evite comprá-los ou tê-los por perto. Fazendo isso você não corre o risco de cair em tentação.

2. Saiba comprar e aproveitar alimentos saudáveis

Uma situação que pode acontecer com muitas pessoas é esta: você até compra alimentos saudáveis, mas eles ficam esquecidos na geladeira e acabam estragando. Ao fazer as suas compras da semana ou do mês é importante ser realista e escolher aquilo que realmente irá parar no seu prato depois, assim você evita o desperdício.

Para isso faça uma lista com antecedência e se disponha a realmente utilizar tudo aquilo que comprou. Uma boa dica é pesquisar receitas com os alimentos que você quer usar. Também aproveite ao máximo tudo que eles podem oferecer, incluindo as folhas, as cascas e até os talos.

3. Coma com regularidade e atenção

Optar por refeições mais rápidas, sem sentar à mesa ou até mesmo fora do horário adequado são erros comuns que cometemos na correria do dia a dia. Mas você sabia que até isso afeta a qualidade da nossa alimentação?

Ter um ambiente adequado, sem distrações e horários fixos contribui para desfrutarmos melhor de uma alimentação saudável. Além de que, ter tempo para uma mastigação correta estimula a sensação de saciedade e o processo de digestão. A junção desses fatores é essencial para acelerar o nosso metabolismo.

4. Busque alimentos saudáveis e pouco processados

Agora que você já sabe o que evitar e como selecionar os alimentos saudáveis, aqui vai mais uma dica: busque comidas naturais e minimamente processados para compor a sua dieta. Isso significa incluir mais frutas, verduras e legumes? Sim, mas não apenas eles, pois o nosso organismo precisa de uma série de nutrientes todos os dias.

O ideal é buscar uma alimentação balanceada, com vegetais, carnes, carboidratos, frutas e laticínios, mas todos em quantidades moderadas. Pense assim: quanto mais colorido o seu prato, melhor! Uma boa indicação é procurar por produtores locais na hora de comprar, assim a chance de conseguir alimentos mais frescos é maior.

5. Desenvolva a culinária de alimentos saudáveis

Comer fora de casa muitas vezes é uma praticidade e até uma necessidade em dias mais corridos, mas você já parou para pensar o quanto acaba gastando com essas saídas? Se colocar na ponta do lápis provavelmente vai perceber que poderia investir esse dinheiro comprando alimentos melhores para a sua geladeira.

Nem todos gostam de cozinhar, mas essa é uma habilidade que garante uma alimentação saudável e rica, pois você sabe exatamente o que está no seu prato. Procure por amigos que cozinhem, veja receitas na internet e comece com refeições básicas até pegar o jeito, isso com certeza fará diferença na sua saúde.

Agora é só colocar em prática essas dicas e garantir que a sua alimentação se torne cada dia mais saudável. Mas é importante deixar claro que para programar uma dieta adequada é necessário o acompanhamento de um nutricionista, que vai entender melhor caso haja alguma restrição alimentar.

Fique atento no nosso blog, em breve voltaremos com mais dicas de saúde para você!

Acompanhe todas as novidades sobre a Gastroclinica

Faça seu cadastro com o email e receba nossa newsletter.